Que canseira

Hoje o dia foi realmente cansativo. Estou um caquinho. Escrevo este post esperando pela janta, que hoje é bacalhau. Eu adoro bacalhau, mas quase quase era melhor já estar dormindo…

A coisa tá feia

Parece que quando mais precisamos de um tempinho para relaxar a coisa engrossa… Hoje este lugar está especialmente agitado. Liguei meu micro e havia 23 mensagens de meu chefe com coisas para eu fazer. Tudo para ontem. Parece até brincadeira. Só parei para almoçar. Nem tive tempo de checar direito meus e-mails pessoais.
Recebi hoje um e-mail de uma amiga que mora na França, codinome baratinha. O codinome é devido ter gostado demais de uma animação flash que rola na internet brazuca, de como matar uma baratinha. Foi um e-mail legal, pra matar saudades!
E nada de emprego. Só porta na cara! Acho que vou acabar ficando aqui até o fim da obra…

A coisa tá feia

Parece que quando mais precisamos de um tempinho para relaxar a coisa engrossa… Hoje este lugar está especialmente agitado. Liguei meu micro e havia 23 mensagens de meu chefe com coisas para eu fazer. Tudo para ontem. Parece até brincadeira. Só parei para almoçar. Nem tive tempo de checar direito meus e-mails pessoais.
Recebi hoje um e-mail de uma amiga que mora na França, codinome baratinha. O codinome é devido ter gostado demais de uma animação flash que rola na internet brazuca, de como matar uma baratinha. Foi um e-mail legal, pra matar saudades!
E nada de emprego. Só porta na cara! Acho que vou acabar ficando aqui até o fim da obra…

Quase no fim do bico

Hoje passei boa parte do dia trabalhando em cima da revisão gramatical e ortográfica de uma dissertação de mestrado. Foram 150 páginas lidas e o grosso corrigido. Achei muito interessante o tema, o mercado masculino de beleza. Os resultados da pesquisa foram bem interessantes.
Sem dúvida o autor escreve bem. Pouquíssimas foram as palavras escritas erradas, mais por erro de digitaçao que por qualquer outro motivo. O texto está bem fluido, mas o que mata mesmo é a repetição. Esse foi o mesmo problema que enfrentei na minha dissertação e que provavelmente aflige a maioria dos pobres mestrandos! Afinal como é possível descrever resultados, principalmente em um questionário com respostas fixas (a,b,c,d,e), de mais de uma dezena de perguntas sem se tornar enfadonho? Para cada pergunta é preciso dizer a frequência de cada uma das respostas! Acaba se tornando repetitivo.
Talvez o ideal seja mostrar um gráfico de frequência para cada pergunta e comentar apenas os resultados mais relevantes. Mas sempre haverá um membro da banca querendo reclamar de que voĉê não escreveu tudo. E sempre haverá um outro a reclamar que voĉê repetiu demais a mesma coisa e foi chato. Esses doutores deveriam, sem sombra de dúvida, ter acompanhamento psicológico em algum estágio da vida deles!
Espero que o autor goste do trabalho que eu fiz em cima do original. Acho que ficou mais limpo, mais fácil de ler. E isso é muito importante para uma dissertação, afinal, são tão poucos que as l̂êem que esses heróis deveriam receber teses mais bem escritas… Eu já vi cada coisa na minha mão, coisa de fazer defunto de poeta acordar no cemitério achando que o juízo final já chegou.
Depois da parte ABNT o texto volta pra minha mão. Aí vou poder fazer tudo com o devido esmero. Vai ficar ótimo, tenho certeza!
Bom, agora é hora de ir dormir, amanhã o Bikernau me espera…

Quase no fim do bico

Hoje passei boa parte do dia trabalhando em cima da revisão gramatical e ortográfica de uma dissertação de mestrado. Foram 150 páginas lidas e o grosso corrigido. Achei muito interessante o tema, o mercado masculino de beleza. Os resultados da pesquisa foram bem interessantes.
Sem dúvida o autor escreve bem. Pouquíssimas foram as palavras escritas erradas, mais por erro de digitaçao que por qualquer outro motivo. O texto está bem fluido, mas o que mata mesmo é a repetição. Esse foi o mesmo problema que enfrentei na minha dissertação e que provavelmente aflige a maioria dos pobres mestrandos! Afinal como é possível descrever resultados, principalmente em um questionário com respostas fixas (a,b,c,d,e), de mais de uma dezena de perguntas sem se tornar enfadonho? Para cada pergunta é preciso dizer a frequência de cada uma das respostas! Acaba se tornando repetitivo.
Talvez o ideal seja mostrar um gráfico de frequência para cada pergunta e comentar apenas os resultados mais relevantes. Mas sempre haverá um membro da banca querendo reclamar de que voĉê não escreveu tudo. E sempre haverá um outro a reclamar que voĉê repetiu demais a mesma coisa e foi chato. Esses doutores deveriam, sem sombra de dúvida, ter acompanhamento psicológico em algum estágio da vida deles!
Espero que o autor goste do trabalho que eu fiz em cima do original. Acho que ficou mais limpo, mais fácil de ler. E isso é muito importante para uma dissertação, afinal, são tão poucos que as l̂êem que esses heróis deveriam receber teses mais bem escritas… Eu já vi cada coisa na minha mão, coisa de fazer defunto de poeta acordar no cemitério achando que o juízo final já chegou.
Depois da parte ABNT o texto volta pra minha mão. Aí vou poder fazer tudo com o devido esmero. Vai ficar ótimo, tenho certeza!
Bom, agora é hora de ir dormir, amanhã o Bikernau me espera…

Derrota amarga

Hoje o Fluminense foi derrotado em pleno Maracanã pelo Volta Redonda. O time da cidade do aço realmente surpreendeu os tricolores, inclusive eu! Aos cinco minutos do primeiro tempo o Fluminense ganhava de 2 x 0. Isso mesmo, aos cinco minutos do primeiro tempo. O tricolor parecia já estar com as mãos na taça. E por pouco não ampliou a vantagem mais de uma vez. Mas no final do primeiro tempo o vento soprou em direção contrária.
O Volta Redonda conseguiu seu primeiro gol aos 43 do segundo tempo. Meu pai, sentado do meu lado, com cara de quem previa o que aconteceria a seguir me disse lacônico: – O Flu está jogando mau.
E o segundo tempo começou, com o Flu melhor nos primeiros 10 minutos. Mas em lance inspirado de Túlio, um passe daqueles de maestro, o time da cidade do aço empatou o jogo. E não houve mais como segurá-los. Nossa defesa ficou refém dos contra-ataques do Voltaço. Já perdendo por 4 x 2 o Fluminense batalhou e conseguiu que o jogo terminasse 4 x 3.
Domingo que vem será a finalíssima. Vou ao Maraca, estou decidido. Quero gritar com a torcida, incentivar os nossos jogadores com nosso hino e com a canção do Papa. Não admito perder este título. Não depois do chocolate em Botafogo e Flamengo e da eliminação heróica do Vasco. Batemos nossos históricos inimigos. Não será o Volta Redonda que nos parará nessa jornada. Vou lá e digo já de agora: Seremos campeões.

Derrota amarga

Hoje o Fluminense foi derrotado em pleno Maracanã pelo Volta Redonda. O time da cidade do aço realmente surpreendeu os tricolores, inclusive eu! Aos cinco minutos do primeiro tempo o Fluminense ganhava de 2 x 0. Isso mesmo, aos cinco minutos do primeiro tempo. O tricolor parecia já estar com as mãos na taça. E por pouco não ampliou a vantagem mais de uma vez. Mas no final do primeiro tempo o vento soprou em direção contrária.
O Volta Redonda conseguiu seu primeiro gol aos 43 do segundo tempo. Meu pai, sentado do meu lado, com cara de quem previa o que aconteceria a seguir me disse lacônico: – O Flu está jogando mau.
E o segundo tempo começou, com o Flu melhor nos primeiros 10 minutos. Mas em lance inspirado de Túlio, um passe daqueles de maestro, o time da cidade do aço empatou o jogo. E não houve mais como segurá-los. Nossa defesa ficou refém dos contra-ataques do Voltaço. Já perdendo por 4 x 2 o Fluminense batalhou e conseguiu que o jogo terminasse 4 x 3.
Domingo que vem será a finalíssima. Vou ao Maraca, estou decidido. Quero gritar com a torcida, incentivar os nossos jogadores com nosso hino e com a canção do Papa. Não admito perder este título. Não depois do chocolate em Botafogo e Flamengo e da eliminação heróica do Vasco. Batemos nossos históricos inimigos. Não será o Volta Redonda que nos parará nessa jornada. Vou lá e digo já de agora: Seremos campeões.

Luana Piovani

Hoje, por um acaso do destino, ao navegar pela Internet, me deparei com o blog da Luana Piovani. Ela contava um pouco de sua rotina em Paris, onde foi estudar. Apesar de não ser muito assídua nos seus escritos, e quem sou eu para falar alguma coisa, me causou ótima impressão. Achei muito legal ela ter ido Paris. Achei legal ela compartilhar um pouco de si com seus fãs! As pessoas tem muitas opiniões negativas em relação a essa mulher que, em minha opinião, é uma das nossas mais consistentes atrizes da nova geração.
Não posso me dizer fã de carteirinha da Luana, mas me lembro dela sempre em papéis razoáveis nos quais ela se destacava e dava aos seus personagens vida de verdade. Me parece, sinceramente, fadada ao sucesso. Muito mais que ao simples estrelato.
La Piovani, além do talento, tem ainda uma beleza e sensualidade pra lá de admiráveis. Mas se fosse apenas bela seria apenas mais uma entre tantas. E nas comédias ela conseguiu sempre me fazer rir bastante!
Desejo muitos bons fluidos a essa neoparisiense. Espero que logo a vejamos brilhar novamente nos palcos, cinemas e televisões desse nosso Brasil.

Luana Piovani

Hoje, por um acaso do destino, ao navegar pela Internet, me deparei com o blog da Luana Piovani. Ela contava um pouco de sua rotina em Paris, onde foi estudar. Apesar de não ser muito assídua nos seus escritos, e quem sou eu para falar alguma coisa, me causou ótima impressão. Achei muito legal ela ter ido Paris. Achei legal ela compartilhar um pouco de si com seus fãs! As pessoas tem muitas opiniões negativas em relação a essa mulher que, em minha opinião, é uma das nossas mais consistentes atrizes da nova geração.
Não posso me dizer fã de carteirinha da Luana, mas me lembro dela sempre em papéis razoáveis nos quais ela se destacava e dava aos seus personagens vida de verdade. Me parece, sinceramente, fadada ao sucesso. Muito mais que ao simples estrelato.
La Piovani, além do talento, tem ainda uma beleza e sensualidade pra lá de admiráveis. Mas se fosse apenas bela seria apenas mais uma entre tantas. E nas comédias ela conseguiu sempre me fazer rir bastante!
Desejo muitos bons fluidos a essa neoparisiense. Espero que logo a vejamos brilhar novamente nos palcos, cinemas e televisões desse nosso Brasil.

De Bico em Bico

Esta semana será pesada. Hoje acertei um bico bastante legal, fazer uns cálculos de teoria dos grafos. Voĉê sabe o que é teoria dos grafos? Não? Eu também não sabia até duas semanas atrás. Meu primeiro contato foi no dia do casamento da minha amiga, antes da festa, falando com um dos convidados ainda em Campo Grande, ele me mostrou uma apostila sobre o assunto. Sexta agora o bico caiu em minhas mãos e hoje acertei os detalhes. Coincidência, não? Pois bem, vou queimar a mufa mas estes cálculos vão sair… Fora da hora do expediente, claro!
Se estiver curioso, veja algum material na Wikipedia, na USP e na UFSC
O Camelo Manco agora fala português. Nada mais de Archive, e sim Arquivos, nem Suche, agora é Busca. Tá me dando um sufoco este blog. Mas é uma felicidade v̂ê-lo funcionando bonitinho que só.

Camelo Manco is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache