Páginas bloqueadas nunca mais. Criando o Túnel VPN com SSH.

Vamos imaginar uma seguinte situação insólita:Você descobriu que o último episódio de Lost pode ser visto de graça pela internet no site da ABC. Você corre para o link e recebe uma simpática e irritante mensagem que lhe adverte que somente usuários americanos tem acesso aos episódios.

Se você seguiu meu conselho e comprou uma conta de hospedagem no DreamHost (use o promo “camelo”) que fica nos EUA, problema resolvido. Com túnel VPN você estará usando um IP americano e a ABC vai te deixar ver tudinho!

Mãos à obra, usaremos o SSH para criar um proxy SOCKS. No linux ou no mac, abra um terminal e digite:

ssh -l username ssh.servidor.com -Dxxxx

substituindo username pelo nome de usuário da Shell Account, ssh.servidor.com pelo hostname do servidor e xxxx pelo número da porta onde o seu proxy SOCKS vai ficar configurado. Eu aconselho 8888 ou 9999, um número alto. Atenção para o fato que é a letra l de login e não o numero 1 antes de username.

The authenticity of host ‘ssh.servidor.com (xxx.xxx.xxx.xxx)’ can’t be established.RSA key fingerprint is bc:f9:b5:55:4b:2c:07:d7:42:8c:00:2a:8d:f0:2c:de.Are you sure you want to continue connecting (yes/no)?

Responda yes.

Seu proxy está funcionando! Configure seu browser para usar o proxy, tipo SOCKS 5, no endereço localhost, e a porta que você escolheu antes. Volte à página da ABC e curta seu programa predileto.

Se você usa Windows, precisar usar o Putty. Mas só vou poder escrever sobre isso quando minhas férias acabarem e estiver com uma máquina Windows por perto. E aí explico também como fazer um túnel proxy para “evitar” o bloqueio de páginas via proxy da empresa!

UPDATE: O Artigo continua no Urucubaca! Veja como usar o putty para ir onde tiver vontade na Internet Livre!

Camelo Manco is Stephen Fry proof thanks to caching by WP Super Cache